segunda-feira, 24 de dezembro de 2012

Feliz Natal


Há medida que os anos vão passando, o meu desinteresse pelo natal aumenta. Respeito quem comemora esta data pela religião, pelo convívio e/ou pela família. À semelhança do ano passado este feriado será passado em casa como um dia normal, fiz apenas uns brownies com framboesas só por dizer que não fiz nada e encomendei uns sonhos e bolachas decoradas. Quanto a passagem de ano não percebo muito bem o que se vai comemorar, o facto de irmos pagar mais impostos e ter menos vencimento? Então eu prefiro deitar me bem cedo e estar a dormir na parte da passagem do ano. A quem comemora um feliz natal e a quem simplesmente não comemora, aproveitem o feriado!

terça-feira, 18 de dezembro de 2012

Bolo de Cenoura e Tangerina com Sementes de Papoila


Mais um bolinho de cenoura para um inicio de semana que promete ser cheio de trabalho e stress.
A confecção deste bolo não seguiu uma receita especifica, usei as quantidades do Bolo de Laranja do livro da Vaqueiro e o resto deixei à consideração da imaginação e dos ingredientes que tinha por casa.

Ingredientes:

2 Ovos
200 gr. de Açúcar
100 gr. de Manteiga
250 gr. de Farinha
1 colher de chá de Fermento
3 Cenouras cozidas e reduzidas a puré
4 Tangerinas (eram pequeninas)
2 colheres de sopa de Sementes de Papoila

Pré-aquecer o forno a 180º.
Bater as claras em castelo e reservar.
Bater as gemas, o açúcar e a manteiga até obter um creme homogéneoo.
Adicionar o puré de cenoura, a raspa e sumo das tangerinas e misturar muito bem. Juntar a farinha com o fermento e por fim as claras em castelo.
Levar ao forno numa forma untada com manteiga e polvilhada com farinha durante 45/50 minutos.

domingo, 16 de dezembro de 2012

Bolachinhas de Canela


O Fim-de-Semana convida a ficar em casa e depois das limpezas semanais, a sentar no sofá e ver filmes e, não há nada melhor do que apreciar umas belas bolachinhas de canela ainda quentinhas com um chá! Assim está a ser esta tarde de Domingo! Perfeita!

Ingredientes:

2 Ovos
100 gr. de Manteiga
150 gr. de Açúcar (reduzi as 50 gr.)
1 colher de sopa de Canela
350 gr. de Farinha

Pré-aquecer o forno a 200º.
Misturar os ingredientes muito bem e numa superficie enfarinhada esticar a massa com um rolo e usar cortadores ou moldar as bolachinhas conforme pretendido.
Vão ao forno num tabuleiro com papel vegetal durante 15 minutos.

Image Hosted by ImageShack.us 



domingo, 9 de dezembro de 2012

Bolo de Ananás


A simplicidade deste bolo tem-me acompanhado ao longo destes últimos anos, de todas as variantes de Bolo de Ananás que existem, esta receita que é da Vaqueiro e a do Bolo Cremoso de Ananás são as minhas favoritas.

Ingredientes:

6 Ovos
1 Lata pequena de ananás em calda
250 gr de Açúcar (reduzi para 150gr)
125 gr de Manteiga
250 gr de Farinha
1 colher de sobremesa de Fermento
6 Cerejas cristalizadas

Pré-aquecer o forno a v180º.
Untar uma forma com manteiga e polvilhar com açúcar, dispor o ananás no fundo e as cerejas entre as rodelas e reservar.
Bater as claras em castelo, reservar.
Bater as gemas com o açúcar e 4 colheres de sopa da calda do ananás até obter um creme homogéneo.
Adicionar a manteiga e continuar a mexer, juntar a farinha com o fermento e por fim envolver as claras em castelo.
As rodelas do ananás que sobram, cortei-as aos bocadinhos e adicionei à massa.
Colocar a massa na forma e levar ao forno cerca de 50 minutos.

Preparar a calda para humedecer o bolo:

Levar a restante calda que sobrou da lata ao lume com 1 colher de sopa de açúcar até ferver.
Quando o bolo estiver cozido, retirar do forno e, ainda dentro da forma, furar com um palito e regar com a calda, levar novamente ao forno desligado e ainda quente para o bolo secar um pouco.
Por fim desenformar e deliciem-se!


terça-feira, 27 de novembro de 2012

Pão de Ló


Esta receita provavelmente irá ser das últimas este ano a ser colocada aqui no blog, tenho mais 2 e depois não sei quando voltarei a poder colocar aqui fotografias.
É simples! Na passada Segunda-Feira, a minha máquina fotográfica terminou o seu ciclo de vida, ou por outras palavras menos pomposas - morreu! 
Ainda consegui fotografar uns muffins que fiz, mas muito mal, o foco era para esquecer e, seleccionar algum modo era o drama! 
E, como não há dinheiro no imediato para comprar uma máquina e recorrer ao crédito, está completamente fora de questão, por isso não sabendo o que o mês de Janeiro aí tão perto nos reserva e, vou começar a ter escalão para o IRS vai ser lindo ver o meu vencimento que é uma fortuna que me permite viver à grande sem contar trocos - ironic mode on - a ser reduzido. E não estou a falar de máquinas cujos valores ascendem aos 300/400€ (era bom era) mas uma simples de 80,00€ por exemplo, actualmente já sai fora do orçamento e é inesperado!
Tenho esperança nas promoções malucas do Natal e comprar alguma coisa minimamente decente e em conta, a ver vamos. Caso contrário vou ter mesmo de começar a ter fotografias péssimas tiradas com o telemóvel, mas é melhor que nada!
E assim também adio o Giveaway que ia decorrer já em Dezembro para a comemoração do 4º aniversário do blog, a 8 de Janeiro. só boas noticias portanto! 

Esta receita de pão de ló, como algumas pessoas já puderam acompanhar via Facebook, trouxe-a num papelinho quando estive em Setembro nos meus pais, foi uma amiga da minha mãe que ma deu. A receita dela leva laranja, mas decidi saltar essa parte.

Vamos lá aos ingredientes:
(Reduzi para metade as quantidades desta lista)

Image Hosted by ImageShack.us

Pré-Aquecer o forno a 180º.
Bater as claras em castelo e reservar.
Bater muito bem o açúcar com as gemas até obter um creme claro e homogéneo.
Se optarem por usar, juntar o sumo e raspa da laranja.
Adinioar a farinha com o fermento e misturar muito bem.
Por fim envolver as claras em castelo e levar ao forno numa forma untada com manteiga e polvilhada com farinha, durante 40 minutos ou até o palito sair seco.
Fica um bolinho muito bom e a sua textura muito fofa é muito agradável acompanhada com um café. Para não variar, reduzi ligeiramente a quantidade de açúcar.
Decidi fazer um Curd de Framboesa (que ainda consegui fotografar e cuja receita fica para outro post, mas se quiserem ir adiantando é ir ao blog Coco & Baunilha pois os Curd's maravilhosos vêm todos de lá) que serviu para fazer um género de meia cobertura e ficou divinal!


quinta-feira, 22 de novembro de 2012

Bolo de Mel, Passas e Amêndoas


Este foi o bolinho que nos acompanhou ao Pequeno Almoço no inicio desta semana. É um bolo que não cresce muito, fica pequeno mas o seu sabor e textura são em grande!
A receita tirei-a de uma revista (acho que era a Activa) enquanto tomava café numa esplanada, tirei apenas a lista de ingredientes, pois estava cheia de pressa, a próxima vez que a fizer, é para triplicar os ingredientes, pois este bolo é fenomenal!

Ingredientes:

2 Ovos
150 gr de Açúcar (reduzi para 100gr)
200 gr de Farinha
1 colher de sobremesa de Fermento
2 colheres de sopa de Mel
2 colheres de sopa de Manteiga
2 colheres de sopa de Passas
2 colheres de sopa de Amêndoas raladas (usei laminadas)
1 dl de Leite

Pré-Aquecer o forno a 180º.
Misturar os ovos com o açúcar e a manteiga e mexer até obter um creme homogéneo.
Adicionar o leite e o mel e misturar muito bem, a farinha com o fermento e mexer até ficar sem grumos.
Por fim envolver as passas e as amêndoas.
Levar ao forno numa forma untada com manteiga e polvilhada com farinha durante cerca 45 minutos ou até o palito sair seco.
Como tinha as embalagens de passas e amêndoas mesmo no final, já na forma e antes de it ao forno, coloquei por cima da massa.

sexta-feira, 16 de novembro de 2012

Biscoitos de Anis e Sementes de Papoila

Image Hosted by ImageShack.us

Estes biscoitos foram uma experiência pois não tinha uma receita especifica.
Segui uma receita que para mim servirá sempre como receita base para adicionar ou excluir ingredientes, a receita que vos falo é das Delícias Alsacianas e é da Luisa Alexandra.

Ingredientes:

3 gemas de ovo (não esquecer de guardar as claras) - Usei apenas 1 ovo inteiro
125 gr de Manteiga
125 gr de Açúcar (reduzi as 25 gr)
250 gr de Farinha
1 pacotinho de açúcar baunilhado (exclui)
Adicionei 2 colheres de sopa de Anis
Adicionei 1 colher de sopa de Sementes de Papoila

Misturar todos os ingredientes até obter uma massa maleável, colocar no diapara biscoitos e disparar para um tapete de silicone ou papel vegetal e levar ao forno pré-aquecido a 200º durante 15/20 minutos.
Se a massa ficar mais mole, podem ir adicionando mais farinha até que os biscoitos saiam sem colar no dispara.



Image Hosted by ImageShack.us


Uma pequena nota para vos dar feedback da história relativa ao post anterior: É inacreditável a forma como as pessoas conseguem ser tão doentias, conseguimos descobrir que esta personagem tem mais de 10 perfis de Facebook, centenas e centenas de fotografias usadas sem o consentimento dos autores. Eu não tenho mais palavras para descrever isto!

Peço desculpa pela minha ausência nos vossos cantinhos, mas esta história que já rola há 2 dias (e vai a caminho do 3º) deixou-me um pouco preocupada.

terça-feira, 13 de novembro de 2012

Bolo de Pêra


Uma palavra apenas para descrever este bolo - delícia!
Fofinho, doce q.b. (cortei no açúcar novamente) e com bastante pêra! Soberbo!
Receita retirada da Revista Cozinha Prática de Sucesso nº70 de 2008.

Ingredientes:
5 Ovos
Raspa de 1 Laranja
290gr de Manteiga
300gr de Açúcar (reduzi para 180gr.)
300gr de Farinha
1 colher de chá de fermento
2 Pêras (exagerei e coloquei 4 médias e ficou fantástico)

Pré aquecer o forno a 180º.
Misturar a manteiga derretida com o açúcar e a raspa da laranja e misturar muito bem. juntar os ovos, um a um e a farinha com o fermento e mexer.
Juntas as pêras ao preparado já descascadas e cortadas aos cubinhos.
Levar ao forno numa forma untada com manteiga e polvilhada com farinha durante cerca de 50 minutos.

Image Hosted by ImageShack.us

Utilizei uma forma para bolo inglês, é um bolo que não fica muito grande (a menos que dobrem a receita)`.

Image Hosted by ImageShack.us

sexta-feira, 9 de novembro de 2012

Bolo Molhado de Laranja com Sementes de Papoila e Cobertura de Creme de Custard para o aniversário do blog da Luisa Alexandra


É com este bolinho que participo no passatempo de aniversário do blog da Luisa Alexandra.
Desde que a Luisa Alexandra publicou esta receita no seu blog, que tem sido presença assídua cá em casa! É um bolo muito saboroso, fresco e também muito versátil pois pode-se trocar a receita da cobertura de Custard, por curd's, pudins, chantilly ou o que a imaginação quiser.
Desta vez coloquei 1 colher de sopa de sementes de papoila como a receita original e, o iogurte que costumo usar é de aroma de tutti fruti que confere um sabor muito bom ao bolo.
A receita já é repetente no blog e podem encontrá-la aqui.


quarta-feira, 7 de novembro de 2012

Compota de Pêra e Baunilha


As pêras chegam a casa em grande quantidade, aos sacos cheios e, uma a uma vão-se transformando em compotas, bolos, sumos e também se vão comendo mesmo assim porque são muito doces.
Esta compota foi por instinto, por cada 6 pêras, adicionava 5 colheres de sopa de açúcar e 1 pacotinho de açúcar baunilhado e 1 vagem de baunilha raspada (deixei a vagem também na panela durante a cozedura).
Utilizei 24 pêras (eram pequeninas) e rendeu 4 frasquinhos iguais ao da fotografia.

´
Descascar e cortar as pêras aos cubinhos.
Numa panela colocar a pêra com umas gotas de sumo de limão, dispor os açúcares por cima e a vagem de baunilha e levar a lume brando até começar a ferver, tapar a panela, mexendo de vez em quando.
Quando a pêra estiver cozida, passar com a varinha mágica para desfazer um pouco os bocadinhos, eu deixei com bastantes bocadinhos inteiros.


Por fim, desligar o fogão, tapar a panela e deixar apurar cerca de 1 hora sensivelmente.
Colocar em frasquinhos e meter no frigorifico.
Como só rendeu 4 frasquinhos não tive necessidade de congelar como faço com as de morango, pois destes 4 actualmente já só existe 1!

segunda-feira, 5 de novembro de 2012

Crepes de Licor Beirão


Tenho por hábito comprar a revista Continente Magazine quando vou às compras, além de trazer umas receitas muito em conta e interessantes, tem alguns artigos que gosto de ler, além de que a revista custa apenas 1,00€ e 0,50€ vão para o cartão de desconto.
Na última página vem esta receita que não resisti em fazer e foi o lanche cá em casa nesse Sábado.

Ingredientes:
125 gr de Farinha sem fermento
300 ml de Leite
Sal q.b.
2 Ovos

Ingredientes para o molho:
25 gr de Manteiga
1 casca de Laranja
1 casca de Limão
150 gr de Açúcar
1 dl de sumo de Laranja
15 cl de Licor Beirão

Crepes - Faço assim:
Misturar todos os ingredientes muito bem e mexer.
Aquecer uma frigideira com um pouco de óleo e colocar 1 concha (das próprias para molhos, se não tiverem, usem 1/2 das de sopa) do preparado na frigideira, fazendo-a girar até cobrir completamente o fundo com uma camada fina e deixar cozer.
Soltar o crepe pelas pontas e virá-lo cuidadosamente para o outro lado e deixar cozer até obter a cor pretendida.´
Usar sempre o mesmo procedimento até terminar o preparado.

Reservar os crepes e fazer o molho.

Numa panela levar a manteiga com a casca da laranja e do limão e quando começar a alourar, juntar o açúcar e mexer.
Adicionar, com cuidado, o sumo de laranja e o Licor Beirão e deixar apurar, sempre em lume brando.~
Envolver os crepes um a um neste molho e ready to serve!


sábado, 3 de novembro de 2012

Marmelada


Esta era daquelas receitas que eu evitava fazer pois da primeira vez que fiz marmelada a coisa correu mal, muito mal e esperava que a minha mãe fizesse toneladas e me trouxesse!
Uma vez à conversa com a Kinhas no chat do Facebook, ela disse-me para eu fazer a receita dela, pois não havia que enganar e como eu sou teimosa comprei alguns marmelos para experimentar!
Não a fiz na panela de pressão, pois a que tenho é enorme e não justificava por 1 kg de marmelada e fiz assim:

Ingredientes:
+/- 1,5 kg de Marmelos 
1 Kg de açúcar
1 dl de água

Lavar os marmelos muito bem, descascá-los, retirar os caroços e cortá-los em pedaços pequenos.
Colocar os marmelos numa panela e dispor por cima o açúcar e a água. Levar a lume brando e mexer de vez em quando até estarem cozidos.
Por fim passar com a varinha mágica para reduzir a puré.
A minha marmelada ficou muito clara, pois tinha visto as que andam pela blogosfera e eram todas mais escuras!! What went wrong????? Lá fui novamente ao chat do FB pedir auxilio à Kinhas e afinal de contas é mesmo assim... Também se pode cozer os marmelos com casca, daí a marmelada ficar com mais cor!
A que fiz ficou muito boa, a próxima vez que for aos meus pais a ver se vou lá apanhar marmelos para trazer.

segunda-feira, 29 de outubro de 2012

Rolos de Canela


Assim que os vi no blog As Receitas da Patanisca foi amor à primeira vista!
A massa desta receita é tão boa de amassar, esticar e tão versátil que já a adoptei como base para outros recheios que tenho em mente, além de que é muito leve e fica muito fofa!
Como sempre eu amassei e deixei levedar na MFP e quando terminou o programa, amassei um pouco à mão e mesmo que não tivesse usado a MFP para fazer quase todo o trabalho, esta massa permite o método manual com muita facilidade.


Ingredientes:

Para o pão doce:
100 ml de Leite
100 gr de manteiga
70 gr de Açúcar amarelo (reduzi para 50gr)
1 pacotinho de fermento de padeiro
1 colher de café de sal (não usei)
3 Ovos
480 gr de Farinha

Para o recheio:
2 colheres de sopa de leite
2 colheres de sopa de manteiga derretida
4 colheres de sopa de açúcar
2 colheres de chá de canela em pó

Colocar todos os ingredientes na cuba da MFP, programar para amassar e deixar levedar lá dentro ou amassar todos os ingredientes manualmente e deixar levedar num local aquecido.

Estender a massa numa bancada enfarinhada e esticar até formar um rectangulo, espalhar a manteiga derretida e por cima polvilhar com o açúcar e a canela.
Enrolar a massa como se estivesse a enrolar uma torta e cortá-la em fatias.
Colocar papel vegetal numa forma (não é necessário untá-la com manteiga ou desmoldante) e dispor as fatias da massa lado a lado a toda a volta da forma, pincelar com o leite e salpicar com açúcar.
Colocar num local aquecido para levedar mais um pouco.
Levar ao forno pré-aquecido a 180º 25/30 minutos até obter a cor dourada desejada.




sábado, 27 de outubro de 2012

Bolo de Coco



Este bolo de coco surgiu da necessidade de arrumar a despensa e de aproveitar os restinhos de pacotes de fécula de batata, maizena, coco, etc. 
É um bolo de coco especial porque além de ter sido feito com quantidades a olho, ficou com uma cor dourada e ficou muito saboroso.

Ingredientes: 

4 Ovos 
150 gr de Açúcar
250 gr de Farinha
1 colher de chá de Fermento
100 gr de Maizena
100 gr de Fécula de batata
1/2 Pacote de  coco ralado

Misturar todos os ingredientes muito bem e levar ao forno pré aquecido a 180º até ficar cozido.
Até o tempo de cozedura foi a olho! A partir dos 45 minutos ia vendo com um palito se já estava pronto.


terça-feira, 23 de outubro de 2012

Pepparkakor - Swedish Ginger Cookies


Pepparkakor ou os tradicionais biscoitos de Natal da Suécia eram um desejo meu de os fazer há já alguns anos, a receitinha manteve-se sempre na lista "a fazer" que vai aumentando de dia para dia e, como há que dar andamento e começar a reduzi-la para dar lugar a novas receitas que quero fazer, eis que chegou a tão esperada altura de concretizar este desejo!

Estes biscoitos têm um sabor muito vincado, um aroma forte e são excelentes acompanhados de um chá quente.
A receitinha original pede Melaço, mas não tinha e substitui pelo Mel e pede inclusivé que a massa fique a descansar 24H, eu passei essa parte e dispara biscoitos com ela. 
Não segui a receita a par e passo, normalmente junto todos os ingredientes e mexo-os todos juntos, poupo tempo e no final vai dar tudo ao mesmo, especialmente nos dias de semana que o tempo é mais limitado.

Ingredientes:

1 Ovo
100 ml de Mel
100 gr de Açúcar
3 colheres de sopa de manteiga
300 gr de Farinha 
1/4 de colher de chá de sal
1/4 de colher de chá de fermento
1/2 colher de chá de Gengibre em pó
1/2 colher de chá de Canela em pó

Fiz assim:
Misturar todos os ingredientes e amassar até ficar uma massa maleável que dê para colocar no dispara biscoitos ou então para esticar com o rolo e utilizar cortadores.


Fiz alguns biscoitos com os cortadores e os restantes com o dispara biscoitos.

Image Hosted by ImageShack.us

Este dispara biscoitos comprei-o à Luisa Alexandra em 2009 e, desde então que não tem tido descanso, é eficaz, preciso e rápido! Adoro-o e não me canso de o recomendar!


Vão ao forno pré-aquecido a 180º durante 15/20 minutos. Eu deixei 30 minutos para lhes dar aquele ar dourado.

segunda-feira, 22 de outubro de 2012

Pão de Abóbora


Este pão é repetição aqui no blog e também se repete muitas vezes aqui por casa. É um pão muito saboroso, fofinho e como eu tenho sempre abóbora congelada todo o ano, é algo que nunca me canso de consumir seja em pão, bolos ou em sopas.
Nunca faço esta receita da mesma forma, há sempre um ingrediente ou outro que adiciono e, desta vez foram os ovos.

Ingredientes:

2 Ovos
1 dl de água (usei a água da cozedura da abóbora)
200 gr de abóbora cozida e reduzida a puré
1 colher de chá de sal 
1 colher de chá de açúcar
500 gr de Farinha
1 cubo de fermento de padeiro

Colocar todos os ingredientes na cuba da MFP e seleccionar o programa para amassar, quando terminar o programa, desligar a máquina e deixar levedar lá dentro cerca de 1h e 1/2.
Tirar a massa da MFP e com a bancada polvilhada de farinha, amassar mais um pouco e moldar o pão (ou várias bolinhas) da forma que pretenderem.
Levar ao forno pré-aquecido a 180º cerca de 40/45 minutos ou até adquirir um tom dourado.

Como a MFP me facilita muito a vida durante a semana, pois é adicionar os ingredientes e virar costas, costumo fazer quase sempre o pão desta forma, no entanto todas as receitas de pão que tenho no blog, podem ser feitas manualmente.
Deixei de comprar as farinhas preparadas para pão, pois no dia seguinte o pão fica duro, além de que o sabor é um pouco artificial, a farinha que uso é farinha normalissíma para bolos.

segunda-feira, 15 de outubro de 2012

Numa caixa para uma viagem

Image Hosted by ImageShack.us

O meu bolo ficou em 2º lugar na votação, mas infelizmente não chegou para se juntar aos 3 directamente seleccionados pela loja.
Tive cerca de 380 votos ganhos de forma honesta e isso deixa-me muito orgulhosa! Obrigado a todos pelos votos.
Ontem foi uma noite de desalento, tristeza e desmotivação, 3 dias de trabalho, dinheiro investido e muita ansiedade deitados por água abaixo. 
Tinha de me recompor depressa, afinal era um concurso e eu fiquei em segundo lugar dos votos, tive mais votos que os restantes, uma pontinha de felicidade.
O bolo iria ficar assim até ao próximo fim-de-semana até porque durante a semana não tenho tempo para o desmontar, já me tinha conformado.
Esta manhã vi os emails e estava lá um da loja, a pedir que lá colocasse o bolo ainda hoje, pois tinha havido uma desistência de um dos 3 bolos já directamente seleccionados, pensei e fiquei renitente e estive mesmo para não o tirar de casa sequer!
Mas à última da hora respondi ao email e disse que levaria lá o bolo. Assim foi!
Não encontrei caixas do tamanho da base, tive de improvisar com o que tinha, estacionei o mais perto possivel da entrada para que não tivesse de passar por muita gente, mas eu ia passando pelas pessoas, pelas lojas e foi um percurso muito longo, a caixa pesava, tudo olhava e eu ia ficando cada vez mais nervosa, não estou habituada a estas coisas.
Lá deixei o bolo na loja, quem quiser lá ir, os bolos a concurso estão expostos a partir de amanhã ao final da tarde e a votação a partir de agora processa-se da seguinte forma: 1 compra = 1 voto.
A partir daqui já nada espero, até porque estou a competir com super, hiper, mega espaecatulares bolos e, eu sem formação, lá tive de me desenrascar e levar a bom porto o meu bolo de Halloween e tentar chegar ao meu objectivo principal, ganhar o voucher para formação. Anda tudo à volta da formação, é a minha prioridade e não posso investir de forma continuada.

domingo, 14 de outubro de 2012

Just a quick note

Só passei aqui para vos agradecer os votos.
Queria pedir a quem votou em mim e, uma vez que este blog não tem Facebook, o favor de me enviar um email com o V/endereço para eu vos poder adicionar. E, se algum dia puder retribuir, let me know!

Muito Obrigado!

sábado, 13 de outubro de 2012

Bolo Pudim de Limão


Gosto muito de bolos e sobremesas que levem como ingrediente principal o limão, adoro o sabor vincado que este citrino deixa. Por aqui tem de haver sempre limões.
Já andava com vontade de fazer um bolo de limão há algum tempo e, esta receita tirei-a da net no ano passado e tem estado na lista a fazer, lista essa que tem de começar a andar, pois as linhas de receitas aumentam de dia para dia, na altura anotei apenas os ingredientes e respectivas quantidades, não fiquei com a fonte da mesma, que se acuse a pessoa responsável pela mesma para eu a poder citar. É uma prática corrente e a mais correcta a se fazer quando se fazem receitas de outras fontes que não a nossa cabecita e ter um blog é isso mesmo, a partilha e a experiência.

Ingredientes:

Para o Bolo:
3 Ovos
150 gr. de Açúcar
150 gr de Farinha
1 colher de chá de Fermento
Raspa e sumo de 1/2 Limão

Para o Pudim:
3 Ovos
150 gr de Açúcar
3 dl de Leite
Raspa e Sumo de 1/2 Limão
Caramelo liquido

Preparar primeiro o pudim.
Misturar os ovos inteiros com o leite e o açúcar, adicionar a raspa e o sumo de limão e deitar para uma forma previamente untada com caramelo.

Bolo:
Pré-aquecer o forno a 180º.
Bater as claras em castelo e reservar.
Misturar as gemas com o açúcar até obter um creme homogéneo e juntar a farinha com o fermento e mexer bem.
Por fim adicionar a raspa e o sumo de limão e as claras em castelo e juntar este preparado cuidadosamente ao pudim que já está na forma e levar ao forno cerca de 50 minutos.
Deixar arrefecer totalmente dentro do forno e só depois desenformar.


Este bolinho fica muito fofinho mas baixinho, poderão dobrar as quantidades da receita sem receio.


terça-feira, 9 de outubro de 2012

Folar de Erva Doce


Uma semaninha que está a ser demasiado longa e muito atarefada! Ando de rastos! Fim-de-Semana precisa-se ASAP!
Queria fazer um pão na MFP mas queria algo ligeiramente doce e encontrei no blog da Nárwen's Cuisine este folar de erva doce e canela.
Como tenho chegado a casa já bastante tarde, os ingredientes foram todos para a MFP, programa amassar, deixei levedar lá dentro e por fim forno com este folar.
Não meti canela, nem o ovo cozido e depois de pincelar com gema de ovo coloquei uns grãos de erva doce por cima e tenho a dizer que este folar é fantástico! Aliás como todas as receitinhas que a Nárween's Cuisine tem!
Esta fotografia foi a possivel no dia seguinte, pois se eu não o fotografasse naquela altura, provavelmente só ia fotografar o sitio dele! Comeram tudo! Eu ainda consegui salvar uma fatia para levar amanhã para o trabalho!

Ingredientes:

1 Ovo
250 gr de Farinha
1 cubo de Fermento de Padeiro
50 ml de Leite
40 gr de Manteiga (uso sempre sem sal)
20 ml de Aguardente
1 pitada de sal
1/2 colher de chá de erva doce (meti 1)
1/2 colher de sopa de canela (não usei)

Introduzir os ingredientes (primeiro os liquidos e depois os sólidos) na cuba da MFP e programar para amassar, deixar levedar dentro da máquina e por fim moldar na forma que se pretende, pincelar com a gema de ovo e levar ao forno a 180º durante 35/40 minutos.


domingo, 7 de outubro de 2012

Angel Cake


Este bolo surgiu da necessidade de um aproveitamento de claras, já tinha uma caixa cheia no congelador, eram 10.
Esta receita encontra-se no livro de Pastelaria e Sobremesas da Vaqueiro e pede 8 claras, mas eu adicionei as 10.

Ingredientes:

8 Claras
1 Pitada de fermento 
2 colheres de chá de sumo de limão
1 colher de chá de água
125 gr de Açúcar
75 gr de Farinha
50 gr de Açúcar em pó

Bater as claras em castelo com o fermento, o sumo de limão e a água, adicionar o açúcar e continuar a bater até que fiquem firmes.
Misturar a farinha com o açúcar em pó, misturar ao preparado das claras e envolver muito bem.
Vai ao forno numa forma de buraco untada com manteiga e polvilhada com farinha a 180º durante 40/45 minutos.
Deixar arrefecer dentro do forno ao abrigo das correntes de ar, por fim desenformar e decorar a gosto.

Este é um bolo muito delicado, fofo e muito saboroso. Optei por colocar calda de morangos por cima e ficou muito bom.
A receita da calda de morangos está aqui.

Image Hosted by ImageShack.us

quarta-feira, 3 de outubro de 2012

Frango com Açafrão * Airfryer


Aqueles dias que se chega a casa e não se tem nada a jeito para o jantar, não apetece fazer nada demorado, nada elaborado mas ao mesmo tempo deseja-se algo saboroso e rápido, então o que fazer?!
Muitas são as vezes que a Airfryer é utilizada, especialmente nesses dias que a preguiça abunda! Este frango é daquelas sugestões que se tornou um sucesso de repetições por aqui.
Não existem quantidades certas, é a olho mesmo e faço assim:

Ingredientes:

1 Frango
Alho q.b.
Açafrão q.b.
Sal q.b.
Sumo de 1 limão
Ervas aromáticas a gosto (usei ervas de provence)

Cortar o frango em pedaços pequenos e temperar com o sal, o alho, o açafrão, as ervas aromáticas e regar com o sumo de limão. Deixar marinar cerca de 1 hora.
Retirar a cesta da Airfryer e colocar os pedaços de frango no fundo da cuba, ligar a 180º durante 25 minutos. Ir mexendo o frango de vez em quando.

Resultado: Um franguinho tostadinho e saboroso!

domingo, 30 de setembro de 2012

Rolo de Maçã


As maçãs abundam por aqui, é que além de serem baratas a velha máxima persiste em nunca me abandonar "one apple a day keeps the doctor away".
Esta receita é muito antiga e encontra-se no livro de argolas da Vaqueiro de Bolos e Bolinhos, fiz uma alteração pois a receita original pede que a maçã ralada crua seja misturada nas natas batidas, das vezes que tenho feito desta forma nunca me agradava o resultado final, desta vez e ainda voltando ao post da Tarte de Maçã da Duxa resolvi meter a maçã no microondas e juntar a polpa às natas batidas e o resultado não podia ter sido melhor!
Pena é que o tabuleiro que tenho não seja suficientemente largo, pois a massa cresceu um pouco e ainda tive de cortar para não ficar gordinha e se a massa ficasse mais fina daria para enrolar mais e ficar com as camadas de recheio mais uniformes. Paciência, para a próxima sai melhor, estamos sempre a aprender e isso é o que realmente interessa!


Vamos precisar destes ingredientes:
4 Ovos
2 colheres de sopa de água quente
125 gr de Açúcar (como eu reduzo sempre desta vez utilizei as 100gr)
1 dl de Natas
3 Maçãs vermelhas (as minhas maçãs são da macieira da minha mãe, trouxe uma caixa cheia delas, mas qualquer tipo de maçã serve)
Sumo de meio limão
2 colheres de sopa de açúcar (para juntar às natas)

Fiz assim:
Cozer as maçãs, reduzir a puré e deixar arrefecer. 

Pré aquecer o forno a 200º.
Bater as claras em castelo e reservar.
Misturar as gemas com o açúcar e as 2 colheres de sopa de água quente e bater muito bem até ficar em creme.
Incorporar a farinha e mexer muito bem, por fim envolver as claras batidas em castelo.
Levar ao forno num tabuleiro forrado com papel vegetal e untado com manteiga e polvilhado com farinha, durante 15 minutos.
Retirar do forno e desenformar, deixar o papel vegetal na massa já cozida e com a ajuda deste enrolar em forma de torta para a massa não partir e deixar arrefecer assim.

Bater as natas bem frias com as 2 colheres de açúcar até ficar tipo chantilly, juntar a polpa da maçã e envolver muito bem.

Abrir cuidadosamente a torta que entretanto já arrefeceu e rechear o seu interior, retirar o papel vegetal e enrolar novamente.

Decorar a gosto.

A massa desta torta é muito leve, a sua textura e sabor fazem-me lembrar o pão-de-ló.


terça-feira, 25 de setembro de 2012

Tarte de Maçã da Duxa


Quando vi esta tarte no blog da Duxa fiquei com vontade de a fazer, é que a avaliar pelas palavras da própria e as fotografias só podia ser algo fenomenal! E é mesmo! 
A sua textura é muito leve, até mesmo para cortar - delicadeza é a palavra de ordem, desfaz-se na boca e esta tarte é o local perfeito para a textura e o sabor se encontrarem e criar uma harmonia perfeita! Experimentem!



Ingredientes:

4 Ovos
150 gr de Açúcar mascavado (reduzi para 100gr)
1 embalagem de massa quebrada
4 Maças reinetas (utilizei 5 porque eram pequeninas)
1 embalagem de Queijo Creme (usei Philadelphia)
Sumo de limão (algumas gotas 1/2 limão pequeno chega)
Canela em pó a gosto

Descascar e cortar as maçãs em quartos e colocá-las num tupperware próprio para ir ao microondas e regar com o sumo de limão (usei um cuja tampa tem um botão para pressionar e deixar essa parte aberta dentro do microondas - há no Ikea e são baratinhos) ou como a Duxa sugere colocar num recipiente, tapá-lo com pelicula aderente e fazer uns furinhos e deixar cozinhar no microondas na potência máxima durante 5 minutos, retirar desfazer alguns grumos que eventualmente ainda tenha com um garfo e reservar.
Poderão eventualmente cozer as maçãs, mas não convém porque retêm sempre alguma água e a consistência irá ficar ligeiramente mais liquida e o que se pretende é somente a polpa da maçã.

Pré-aquecer o forno a 180º.
Bater as claras em castelo e reservar.
Misturar o queijo creme com o açúcar e as gemas e bater muito bem até obter uma consistência leve, por fim adicionar as claras em castelo e envolver muito bem.
Colocar a massa quebrada numa tarteira e picar o fundo com um garfo, dispor a polpa da maçã e polvilhar com canela em pó a gosto, por fim coloca-se o preparado do queijo creme e vai ao forno cerca de 40/45 minutos.

Não me canso de elogiar esta receita e dar os Parabéns à Duxa pela mesma e agradecer a partilha desta Tarte fantástica!



domingo, 23 de setembro de 2012

Bolo Delicado


Os bolos fazem parte dos nossos dias e, mesmo de férias não podiam faltar.
Este bolo é daqueles que a minha mãe faz há mais de 40 anos, um bolo simples, fofo e excelente para acompanhar um chá, café ou uma caneca de leite.

Descobri o livro de receitas que foi alvo das minhas brincadeiras de criança... o desgraçado que tinha estado sempre guardado em bom estado, chegou às minhas mãos e coitado está todo escrito, riscado, com desenhos e já sem capa... mas ainda assim a minha mãe guardou-o e tem de se pagar nele com muito cuidado para as folhas não se descolarem (ainda mais), falo-vos do livro da autora Laura Santos "A Mulher na Sala e na Cozinha" pois antigamente todas as mulheres tinham um exemplar. Relativamente ao titulo do mesmo, acho que poderiam ter escolhido algo melhor.

Andei a pesquisar online e descobri que este livro além de ter imensas edições, ser muito caro, está esgotado!

Tirei várias fotografias a receitas para ir fazendo à medida que vou tendo um bocadinho livre e, por agora deixo-vos a receitinha deste bolo.

Image Hosted by ImageShack.us

Aconselho vivamente a dobrar ou triplicar as quantidades desta receita, pois fica um bolo muito pequeno (fazendo cupcakes com a receita original nem para 4 deve chegar).
Eu tripliquei a receita e ainda assim ficou muito baixinho (e a forma não era muito grande).
Não adicionei nozes e reduzi ligeiramente a quantidade de açúcar.

Image Hosted by ImageShack.us

Como nunca acerto com a intensidade do forno da minha mãe e a receita não diz por quanto tempo se deve cozer, foi a olho e deixei 35/40 minutos mas devia ter deixado um pouco mais, mas o palito já vinha seco e já tinha ganho uma cor dourada pelo que optei por tirá-lo do forno.

Image Hosted by ImageShack.us

Este bolinho é muito simples, fofo, saboroso e reduzindo a quantidade de açúcar é perfeito!


E para comer ao ar livre ao final da tarde, deitada na espreguiçadeira é do melhor! Saudades!